“Vem cá me bater, se você é homem”, desafia vereadora

Um discurso virou bate-boca, troca de insultos e gritaria na Câmara de Vereadores de Canelinha. A confusão envolveu a vereadora Neli Ferreira (MDB) e Antônio Carlos Flores (PSDB), o Toninho, arquirrivais na política.

Durante o discurso Neli chamou Toninho de mau caráter e teria sido chamada de “sem vergonha” pelo vereador. No vídeo não dá para ouvir claramente o que ele diz. Logo depois Neli deixou seu lugar na tribuna e a discussão se desenrolou nos bastidores. É possível ouvir o vereador gritando que a parlamentar poderia falar dele, mas não da mãe. Assista o vídeo com discussão: