“Se for Merísio não apoio a candidatura dele”, diz vereador

Progressistas e pessedistas estão cada vez mais afinados no Estado. A cúpula dos dois partidos trabalha na aliança que pode levar a candidatura de Gelson Merísio ao Governo na eleição de outubro. Mas a aliança entre as siglas ainda não foi bem digerida pelas  bases e pode criar animosidades, principalmente em São João Batista. É o caso do vice-presidente do PP batistense e vereador, Fábio Norberto Sturmer, o Fábio da Ravel.

Em entrevista ao Jornal da Super nesta quinta-feira (15) ele criticou a união dos dois partidos e disse que não vota nem pede votos para Gelson Merísio. Deixou nas entrelinhas que pode inclusive apoiar Mauro Mariano, que pretende disputar a eleição pelo MDB. “Brigaram uma vida toda e agora porque estão coligados devo defender?”, questionou.

“Gelson Merísio e esse pessoal que só vem costurando alianças, muitas vezes para se beneficiar eles próprios, não tem meu apoio”, diz Fábio. Outras lideranças do PP local estão na mesma situação, apesar do clima entre os dois partidos ter refrescado. Ainda não há uma definição da Executiva Municipal de como será o comportamento caso a aliança seja confirmada.